Agenda

Tome nota dos principais eventos relativos ao universo do violão em todas as regiões do país, Divulgue seu show neste espaço, enviando os dados para nossos contatos. As colaborações voluntárias são fundamentais para ampliar a divulgação da diversidade regional que caracteriza o violão brasileiro.

25/05/17

21h - Duo Sai Conde e Guilherme Lamas em Campinas

Local: Centro Cultural Senzala, Clube Hípica, Campinas - SP.

O Duo Sai Conde e Guilherme Lamas teve início em 2015, quando do ingresso de Sai Conde (Colombiano) e Guilherme Lamas (Brasileiro) no mestrado da Unicamp, local onde os músicos se conheceram e iniciaram o projeto. Sai Conde toca a Bandola (instrumento típico Colombiano) e Guilherme Lamas o Violão 7 Cordas de Aço (instrumento típico Brasileiro). Os arranjos do Duo são elaborados de modo híbrido, porém em sua grande parte a Bandola se destaca como solista e o 7 Cordas de Aço se encarrega da condução harmônica e melódica na região grave do instrumento. O álbum “O Alvorecer” é um encontro musical sem fronteiras e também uma homenagem ao compositor brasileiro Ernesto Nazareth.

25/05/17

21h - Pedro Franco Orquestra

Local: TribOz - Centro Cultural Brasil-Austrália (Rua Conde de Lages, 19, Lapa, 20.241, Rio de Janeiro - RJ). Ingressos: R$ 30.

Pedro Franco, natural de Porto Alegre aos 25 anos, tem se destacado no cenário nacional como um dos maiores instrumentistas de sua geração, acompanhando artistas como Maria Bethânia e Zélia Duncan. Sua orquestra foi montada para tocar os arranjos de seu primeiro disco (a ser lançado em julho de 2017), em que inclui elementos de música de câmara, choro, jazz, improvisação e música tradicional do Rio Grande do Sul. No programa, composições próprias como "Verde" e "Madrugada Carioca", e interpretações de Pixinguinha e Chick Corea.

26/05/17

20h - Duo Sai Conde e Guilherme Lamas em Campinas

Local: Auditório da Adunicamp, Barão Geraldo, Campinas - SP.

O Duo Sai Conde e Guilherme Lamas teve início em 2015, quando do ingresso de Sai Conde (Colombiano) e Guilherme Lamas (Brasileiro) no mestrado da Unicamp, local onde os músicos se conheceram e iniciaram o projeto. Sai Conde toca a Bandola (instrumento típico Colombiano) e Guilherme Lamas o Violão 7 Cordas de Aço (instrumento típico Brasileiro). Os arranjos do Duo são elaborados de modo híbrido, porém em sua grande parte a Bandola se destaca como solista e o 7 Cordas de Aço se encarrega da condução harmônica e melódica na região grave do instrumento. O álbum “O Alvorecer” é um encontro musical sem fronteiras e também uma homenagem ao compositor brasileiro Ernesto Nazareth.

30/05/17

19h - Maurício Gomes em Belém

Local: Sala Ettore Bósio, Instituto Estadual Carlos Gomes (Av. Gentil Bitencourt, 977, Belém - Pará).

Francisco Mignone: 120 anos. 12 Valsas.

01/06/17

21h - Carlos Navas & Swami Jr. juntos pela primeira vez

Local: Teatro Anchieta, Sesc Consolação (R. Dr. Vila Nova, 245, Vila Buarque, São Paulo - SP). Ingressos: R$ 30.

Os dois artistas estreiam um inédito espetáculo em voz e violão de 7 cordas, apresentando pérolas da canção brasileira. Amigos de longa data, o cantor e o violonista registraram quatro gravações em duo. No segundo CD de Navas, “Sua Pessoa” (2000), gravaram “Lua de Vintém” (Zé Renato/Cacaso) e “O Sopro” (Fred Martins/Manoel Gomes). No recente e elogiado décimo álbum do intérprete paulistano, “Crimes de Amor” (2015), o violonista, que também é diretor musical da Diva cubana Omara Portuondo, arranjou e empunhou seu personalíssimo 7 cordas em “Sem Destino” (Luiz Tatit) e “Palavras de Vento” (Alzira E/ Tiago Torres da Silva). Dividem o palco pela primeira vez num encontro inédito, mesclando autores contemporâneos e clássicos da memória musical brasileira. O espetáculo se divide harmoniosamente entre o contemporâneo e a memória musical, reverenciando autores como Luiz Tatit, Vitor Ramil, Alzira E, Itamar Assumpção e Fred Martins (no primeiro bloco) e Caymmi, Custódio Mesquita, Dilermando Reis, Sinhô e Noel Rosa (no segundo).

10/06/17

11h - Duo Sai Conde e Guilherme Lamas em Campinas

Local: Pontes Musicais, Livraria Pontes, Centro, Campinas - SP.

O Duo Sai Conde e Guilherme Lamas teve início em 2015, quando do ingresso de Sai Conde (Colombiano) e Guilherme Lamas (Brasileiro) no mestrado da Unicamp, local onde os músicos se conheceram e iniciaram o projeto. Sai Conde toca a Bandola (instrumento típico Colombiano) e Guilherme Lamas o Violão 7 Cordas de Aço (instrumento típico Brasileiro). Os arranjos do Duo são elaborados de modo híbrido, porém em sua grande parte a Bandola se destaca como solista e o 7 Cordas de Aço se encarrega da condução harmônica e melódica na região grave do instrumento. O álbum “O Alvorecer” é um encontro musical sem fronteiras e também uma homenagem ao compositor brasileiro Ernesto Nazareth.

10/06/17

20h - Duo Sai Conde e Guilherme Lamas em São Paulo

Local: Espaço 91, São Paulo - SP.

O Duo Sai Conde e Guilherme Lamas teve início em 2015, quando do ingresso de Sai Conde (Colombiano) e Guilherme Lamas (Brasileiro) no mestrado da Unicamp, local onde os músicos se conheceram e iniciaram o projeto. Sai Conde toca a Bandola (instrumento típico Colombiano) e Guilherme Lamas o Violão 7 Cordas de Aço (instrumento típico Brasileiro). Os arranjos do Duo são elaborados de modo híbrido, porém em sua grande parte a Bandola se destaca como solista e o 7 Cordas de Aço se encarrega da condução harmônica e melódica na região grave do instrumento. O álbum “O Alvorecer” é um encontro musical sem fronteiras e também uma homenagem ao compositor brasileiro Ernesto Nazareth.

27/06/17

11h - Duo Sai Conde e Guilherme Lamas em São Paulo

Local: Bistrô Esmeralda, São Paulo - SP.

O Duo Sai Conde e Guilherme Lamas teve início em 2015, quando do ingresso de Sai Conde (Colombiano) e Guilherme Lamas (Brasileiro) no mestrado da Unicamp, local onde os músicos se conheceram e iniciaram o projeto. Sai Conde toca a Bandola (instrumento típico Colombiano) e Guilherme Lamas o Violão 7 Cordas de Aço (instrumento típico Brasileiro). Os arranjos do Duo são elaborados de modo híbrido, porém em sua grande parte a Bandola se destaca como solista e o 7 Cordas de Aço se encarrega da condução harmônica e melódica na região grave do instrumento. O álbum “O Alvorecer” é um encontro musical sem fronteiras e também uma homenagem ao compositor brasileiro Ernesto Nazareth.

27/06/17

18h30 - Quarteto Abayomi na Biblioteca Mário de Andrade

Local: Biblioteca Mário de Andrade (R. da Consolação, 94 - Consolação, São Paulo)

14/07/17

18h - João Carlos Victor no 25° Liechtensteiner Gitarrentage ligita

Local: Musikschulzentrum Eschen